Caindo de cabeça nos travesseiros!


Nesta chuva, com este frio, nada melhor do que mergulhar na cama e dormir o dia inteiro! Porém, se o travesseiro for inadequado, o que poderia ser um ótimo momento de descanso, acaba deixando sequelas e piorando muito o nosso humor. Dores na coluna, distensão no pescoço, insônia e até rinites alérgicas são exemplos do que um mau travesseiro pode causar. Por isso, nossa dica de produto de hoje é o adorável e às vezes esquecido travesseiro.

Fique atento a estas dicas para descobrir qual o melhor tipo para você:

Altura ideal

* A altura do travesseiro deve ser igual à distância entre o pescoço e a parte interna do braço do usuário;

* Para quem costuma dormir de lado, o ideal é um travesseiro alto;

* Já para quem prefere dormir de barriga para cima ou de bruços, recomenda-se um travesseiro mais baixo;

Tipos de travesseiros

Espuma compacta ou poliuretano – não cede facilmente ao peso da cabeça, o que não varia a altura do travesseiro durante a noite. Contudo, é pouco macio;

Flocos de espuma – apresenta um espaço entre os pedaços de espuma, deixando-o mais macio. Mas, os flocos soltos podem se deslocar para os cantos da fronha durante a noite;

Espuma látex – este material recebe tratamento antiácaro e, por ter uma estrutura perfurada, favorece a ventilação do travesseiro. Ele é confortável, porém como é de “borracha”, exerce pressão contrária ao peso da cabeça, o que pode significar dores na cervical quando a pessoa costuma mexer-se na cama durante a noite.

Plumas – estes são os modelos mais macios, moldáveis e leves de travesseiro. Eles se ajustam facilmente ao formato da cabeça e costumam estar presente nos ambientes mais sofisticados. Entretanto, são os que mais acumulam fungos, ácaros e bactérias, além de não serem estruturados o suficiente para alinhar a cervical com o tronco quando estamos deitados de lado (posição mais comum).

Fibra e Microfibra– também conhecido como pluma sintética de poliéster siliconada, é um material bem flexível, mas por ser sintético pode gerar calor em demasia, bem como reações dermatológicas.

Ervas – utilizado pelos adeptos da aromaterapia, acredita-se que um travesseiro com ervas pode melhorar a qualidade do sono. O alecrim, por exemplo, amenizaria dores de cabeça; a camomila seria tranquilizante e a macela combateria a insônia. Mas não há qualquer comprovação destes efeitos, senão quanto ao perfume em si. Pessoas alérgicas devem evitar este tipo de travesseiro. Além disso, não oferecem sustentação correta à coluna cervical, pois as ervas se movem para as laterais do travesseiro e deixam a cabeça em má posição durante o sono.

Travesseiros Ortopédicos e Terapêuticos


Travesseiros da NASA – estes travesseiros são na verdade feitos de espuma viscoelástica (espuma de última geração), uma tecnologia desenvolvida pela NASA. Essa composição é plenamente moldável e não deforma, garantindo a durabilidade do produto. Molda-se facilmente aos movimentos com um retorno suave e macio. Possui proteção anti-ácaros. Tem maior capacidade de absorção do peso e distribuição, possui a propriedade de retorno lento agindo como um amortecedor. A sensação é de estar deitado com a cabeça sobre uma nuvem, pois não há pressão contrária da espuma.

Travesseiros com regulagem de altura – esse travesseiro permite que o usuário regule a medida exata que lhe dá mais conforto e alinhamento para a cervical. Tanto para quem dorme de lado, quanto para quem dorme de decúbito dorsal (barriga para cima), o travesseiro oferece a altura ideal. Ortopédico, tem a firmeza necessária para suportar o peso da cabeça e evitar que a mesma se movimente durante a noite.

Escolhendo bem seu companheiro de cama, além do colchão ideal, não tem como não aproveitar a noite. Porém, não se esqueça também que para se ter um sono de qualidade, é preciso estar com a mente descansada, longe de problemas, além de um estômago leve. Até porque , segundo a Organização Mundial de Saúde, estima-se que 40% ou mais das mulheres e 30% dos homens tenham problemas de sono.

Fontes: http://www.portaldahora.com/index.php?canal=noticias&acao=ver&codigo=179

http://www.colchaoterapeutico.com/artigos/141-travesseiro-tipos-e-dicas

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s