Veja uma lista de jogos que causaram polêmica


(Fonte: Game Irresponsability)

(Fonte: Game Irresponsability)

O Se Liga já falou sobre os jogos de tiro em primeira pessoa mais famosos dos vídeo games (para ler, clique aqui). Hoje o blog traz uma lista sobre jogos que causaram polêmica, não somente pela sua violência, mas também por brincarem com temas políticos sensíveis e por baterem de frente com os bons costumes. Por mais violentos que estes jogos sejam, pesquisas mostram que videogames afetam entre 0 e 2,5% a agressividade dos jogadores.

Super Columbine Massacre RPG!

Super Columbine Massacre! (Fonte: Divulgação)

Super Columbine Massacre RPG! (Fonte: Divulgação)

A chacina realizada pelos estudantes Eric Harris e Dylan Klebold em abril de 1999, no Instituto de Columbine, causou espanto e medo nos cidadãos estadunidenses. Em 2005, O jogo Super Columbine Massacre RPG! causou revolta na sociedade norte-americana por colocar o jogador no papel dos atiradores e recriar o massacre.

Six Days In Fallujah

Six Days in Fallujah (Fonte: Divulgação)

Six Days in Fallujah (Fonte: Divulgação)

A invasão do Iraque pelo exército dos EUA e aliados foi recriada pelo jogo Six Days In Fallujah. O jogo sofreu ferrenhas críticas da sociedade civil estadunidense e até mesmo de veteranos de guerra.

Resident Evil 5

Resident Evil 5 (Fonte: Divulgação)

Resident Evil 5 (Fonte: Divulgação)

A famosa série de zumbis Resident Evil já havia desandado na sua edição anterior. Mas foi com Resident Evil 5 que a franquia concretizou o fracasso ao colocar protagonistas brancos assassinando zumbis negros. O jogo foi considerado racista e de extremo mau gosto ainda mais nos EUA onde o assunto é bastante sensível entre a sociedade civil.

Call Of Duty: Modern Warfare 2

Modern Warfare 2 (Fonte: Divulgação)

Modern Warfare 2 (Fonte: Divulgação)

A franquia Call Of Duty é uma das mais bem sucedidas do universo dos games. Desde seu primeiro jogo vem sofrendo represárias dos setores mais conservadores da sociedade pela sua violência e seus temas de guerra. O jogo Call Of Duty: Modern Warfare 2 possibilitava ao jogador, em uma fase opcional, a viver um terrorista durante um massacre em um aeroporto.

Left Behind – Eternal Forces

Left Behind (Fonte: Divulgação)

Left Behind (Fonte: Divulgação)

O jogo de estratégia Left Behind – Eternal Forces leva o jogador a tentar converter infiéis para a sua religião, seja pela fé ou pela força. O game foi duramente criticado por acreditarem que ele fazia apologia à intolerância religiosa e violência contra pessoas consideradas “infiéis”. Mesma atitude da Igreja Católica no época da Inquisição.

JFK Reloaded

JKF Reloaded (Fonte: Divulgação)

JKF Reloaded (Fonte: Divulgação)

O assassinato do ex-presidente estadunidense John F. Kennedy marcou a história norte-americana e ainda hoje é um assunto bastante delicado. O JFK Reload causou furor e ódio dos estadunidenses por recriar a morte do icônico político, colocando o jogador na pele de seu assassino.

Ethnic Cleasing

Ethnic Cleansing (Fonte: Divulgação)

Ethnic Cleansing (Fonte: Divulgação)

Talvez o jogo mais preconceituoso da lista, o Ethnic Cleasing coloca o jogador para matar negros, latinos e judeus, sendo um dos principais alvos o ex-ministro de Israel, Ariel Sharon.

Carmageddon

Carmageddon (Fonte: Game Irresponsability)

Carmageddon (Fonte: G4TV)

O jogo Carmageddon chegou a ser proibido em vários países, inclusive nos EUA e no Brasil. Ele coloca o jogador nas ruas de uma cidade fictícia e o objetivo é vencer a corrida ou destruir os carros como se fosse uma arena de destruição ou atropelar e matar todas as pessoas da fase. O jogo foi um dos que levantaram a discussão sobre a influência dos games no comportamento de jovens e crianças.

Fonte: Super Interessante

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s